Um olhar sobre a variedade dialetal da língua árabe – Expressões para o Ramadã


Autora: Beatriz Negreiros Gemignani

27/04/2020

A língua árabe é o idioma oficial de diversos países e, logo, possui particularidades locais que podem chegar a ser bem distintas. Enquanto o chamado “árabe padrão” atua como língua unificadora entre os povos árabes, sendo utilizado pela mídia e literatura, a realidade dos dialetos locais é altamente rica. Exploramos aqui as expressões utilizadas no mês de Ramadã (o mês sagrado dos muçulmanos, quando jejuam da alvorada até o pôr-do-sol).


Um olhar sobre a variedade dialetal da língua árabe – Expressões para o Ramadã

A língua árabe é o meio de expressão de grupos e comunidades variados, na medida em que é a língua de uma antiga civilização que abrange diversos povos em um extenso território – desde os países no norte da África, a oeste, até aqueles no Oriente Médio, a leste. Como não poderia ser diferente, esse idioma possui particularidades locais que podem chegar a ser bem distintas umas das outras, inclusive dentro de um mesmo país. Enquanto o chamado “árabe padrão” atua como língua unificadora entre os diversos povos árabes, sendo utilizado, por exemplo, pela mídia e literatura, a realidade dos falares locais é altamente rica. Essas diversas línguas locais são consideradas dialetos, afinal há uma linha tênue entre as definições de “língua” e “dialeto”, que no fundo são mais políticas do que linguísticas, não existindo um interesse da parte dos países árabes de classificar seus falares locais como línguas. Logo, cada país árabe, e ainda cada cidade ou vilarejo, possui seu dialeto próprio, língua viva em constante uso, que convive com a língua árabe padrão, ensinada nas escolas e utilizada principalmente nos noticiários, em livros e em meio acadêmico, além de ser, certamente, língua de comunicação entre os países árabes.

A riqueza dessa variedade dialetal pode ser observada em especial nas expressões para ocasiões sociais, como o cumprimento que se utiliza para desejar um feliz – mas na verdade, abençoado, generoso – mês de Ramadã, o mês sagrado do calendário islâmico em que pratica-se o jejum da alvorada até o pôr-do-sol. Duas expressões são mais utilizadas: رمضان مبارك (ramadan mubarak), “Ramadã abençoado”, e رمضان كريم (ramadan karim), ”Ramadã generoso”. Veja a seguir algumas expressões de diferentes locais.

Marrocos: عواشر مبروكة (awashir mabruuka), literalmente, “dez dias abençoados”, refere-se aos 10 últimos dias do mês de Ramadã, considerados os mais especiais pois em um deles é celebrada a Layla Alqadr (noite do decreto), em referência ao começo da revelação do Alcorão ao profeta Muhammad.

Argélia: صحا رمضانكم (saha remdhankum), lit. “vosso Ramadã de saúde”, “saha” é utilizado no dialeto local como agradecimento, derivando da expressão “que Deus lhe dê saúde”. Na expressão para desejar um Ramadã abençoado, seria referência a uma súplica para aceitar o jejum.

Tunísia: رمضان مبروك وسنين دايمة (ramadan mabruk w sniin dayma), lit. “um Ramadã abençoado durante vários anos”, num costume de desejar para os anos vindouros também.

Emirados Árabes Unidos, Arábia Saudita e outros países do golfo: مبارك عليكم الشهر (mubarak aleyhum alshahar), lit. “um mês abençoado sobre vocês”, uma variante da expressão amplamente utilizada e mais simples: مبارك (ramadan mubarak), “Ramadã abençoado”.

Líbano, Jordânia, Iêmen, Omã, Sudão, Iraque: رمضان كريم (ramadan karim), lit. “Ramadã generoso”, expressão amplamente utilizada nos países árabes, com o sentido de desejar uma celebração generosa, ou também que se seja generoso com os outros.

Egito: كل سنة وانت طيب (kulle sana wenta tayyeb), lit. “que você esteja bem todo ano”, uma expressão usada em geral para datas festivas, e que acompanha por exemplo “ramadan karim” (Ramadã abençoado).

Palestina, Jordânia: كل عام وانتم بخير (kull aam wintum bekher), lit. “que vocês estejam bem todo ano”, expressão equivalente à egípcia mencionada, e que também não é específica para o Ramadã. Na Síria, possui a variação كل سنة وانتم سالمين (kull sana wintum salimin) – “que vocês estejam bem/com saúde todo ano”.

Isso tudo a grosso modo, pois algumas dessas expressões são usadas também em outros locais, às vezes de forma menos comum, mas ainda assim presentes. Desejo um ótimo Ramadã a todos celebrando, que ele traga o espírito da generosidade, seja muito abençoado e cheio de saúde, neste ano e nós próximos por vir!